EPAMIG realiza primeiro ciclo de palestras sobre trigo em Carandaí

Evento gratuito e presencial ocorre no dia 25 de janeiro, a partir das 18h Foto: Arquivo Epamig

(Carandaí – 18/1/2023) O cultivo do trigo tem avançado exponencialmente ao longo da última década na mesorregião mineira do Campo das Vertentes, por conta de seu papel crucial nos sistemas de produção de grãos como componente na rotação de culturas, sobretudo a soja e olerícolas. Em função dessa realidade, pesquisadores da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) realizam o “Ciclo de Palestras Cultura do Trigo – Carandaí e região”, que acontece no próximo dia 25 de janeiro, às 18h. O evento presencial foi articulado por meio de convênio com a Prefeitura Municipal de Carandaí (MG), que sediará o encontro, e será o primeiro do tipo a abordar especificamente a cultura na região, visando atender às demandas dos produtores locais. “O nosso objetivo é subsidiar os produtores quanto a aspectos agronômicos e de qualidade industrial do grão, explicar como devem conduzir uma lavoura de trigo, mostrando as peculiaridades da cultura e apresentando as vantagens e desvantagens das cultivares disponíveis, bem como as preferências dos moinhos compradores”, conta a pesquisadora da EPAMIG Sul, e uma das organizadoras do evento, Aurinelza Condé.

Foto: Erasmo Pereira/Epamig

A pesquisadora conduzirá a apresentação “Avaliação do desempenho de cultivares de trigo no Sul de Minas e Campo das Vertentes (produtividade e qualidade)”, ao lado do também pesquisador da EPAMIG Sul, Fábio Aurélio Martins. “Vamos abordar os dados que obtivemos ao longo dos últimos três anos de trabalhos na região com 14 cultivares de trigo. A ideia é indicarmos para os produtores materiais que têm apresentado maior adaptabilidade e estabilidade produtiva na região e aliarmos isso às informações sobre a qualidade da farinha e de panificação dessas variedades, para que eles tenham melhores opções de escolha de cultivares e mais argumentos na hora de negociar preços e valores com os moinhos”, explica Fábio Aurélio.

Experimentos com trigo realizados pela EPAMIG no município de Itutinga (MG). – Foto: Aurinelza Condé/Epamig

Outro assunto importante relativo ao cultivo do trigo é a qualidade das sementes adquiridas, tema da apresentação do pesquisador da EPAMIG Sul, lotado no Campo Experimental Risoleta Neves, em São João Del Rei (MG), Cláudio Egon Faccion. “Se o produtor usa uma semente de baixa qualidade no início do plantio, todo o gasto posterior com insumos, adubo, defensivos e maquinário pode ser perdido, além do aumento de doenças e redução de produtividade. Para piorar, o produtor dificilmente consegue identificar visualmente sementes de alta qualidade, pois há patógenos ou materiais de outras espécies que podem estar contaminando os lotes. Por isso, queremos mostrar a importância de se utilizar sementes controladas, registradas e fiscalizadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento”, ressalta Cláudio Egon.

A programação também inclui as palestras “Cuidados no planejamento e implantação da lavoura de trigo de sequeiro em MG” e “Apresentação de cultivares com potencial de cultivo em Carandaí e região”. No fim do evento, ocorrerá um bate-papo com o diretor da Vilma Alimentos, Sérgio Macedo. “A participação de um membro da indústria no evento é de grande importância para que ele conheça outras cultivares, quebre certo preconceito existente com relação a variedades menos comercializadas e também para que ele mostre ao produtor o que é exigido em termos de qualidade de farinha e quais os preços praticados pela cadeia”, comenta a pesquisadora Aurinelza Condé.

Unidades demonstrativas implantadas com auxílio da EPAMIG, em Ilicínea (MG). – Foto: Aurinelza Condé/Epamig

“Ações de transferência de tecnologia como esse ciclo de palestras mostram a importância dos convênios com outros órgãos como uma maneira de nós atuarmos da porteira para fora dos campos experimentais da EPAMIG, aproximando cada vez mais os pesquisadores dos produtores e das instituições”, conclui o gerente do Campo Experimental Risoleta Neves, Antônio Fernando Nunes. O evento será aberto ao público e os organizadores aguardam não apenas a participação de produtores, mas também de técnicos, extensionistas e consultores. Mais informações pelo telefone (32) 3379-4983 ou pelo e-mail cern@epamig.br.

SERVIÇO:

Evento: Ciclo de Palestras Cultura do Trigo – Carandaí e região (presencial e gratuito)

Data: 25 de janeiro de 2023

Hora: A partir das 18h

Local: Prefeitura Municipal de Carandaí (auditório no 5º andar), Praça Barão de Santa Cecília, 68, Centro, Carandaí (MG)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *